<$BlogRSDUrl$>

quinta-feira, Abril 24, 2014

VIVA QUEM CANTA ....A LIBERDADE 

.
FOI MUITO FELIZ A DENOMINAÇÃO DO
ESPECTÁCULO QUE MARCOU A ABERTURA
DA "PRIMAVERA NO CAMPO BRANCO" EM
CASTRO VERDE.

E foi ainda melhor o conteúdo dado ao espectáculo, à sua "matéria prima", isto é, aos performers que juntou em palco, no Cineteatro da Vila, todos (ou quase) filhos da terra ou da região, que ao longo destes anos de conquista da Liberdade, e por causa dela, têm contribuído para impulsionar a cultura democrática e a promoção da sua terra e do seu Alentejo .

O espectáculo iniciou-se com a projecção de um filme do cineasta Tiago Pereira denominado "Com memória na Rima: o 25 de Abril e a Cultura em Castro Verde", do qual mostro aqui alguns breves exertos


e onde se pode surpreender,muitos dos castrenses que habitualmente encontramos no seu dia a dia na Vila
, como o poeta Mira e o Manuel Florêncio e a sua gaita de beiços



o Côro Polifónico de Castro Verde e a Idalina, que viria a ser ,no decorrer do espectáculo, muito referenciada dado o seu percurso pessoal,

Após a projecção, subiu o pano descobrindo um palco completamente cheio com todos os que ao longo da noite actuaram juntos e também por grupo.



Então, o poeta de Abril JOSÉ FANHA, abriu o espectáculo com um poema de Manuel da Fonseca, que muitos aplausos arrancou duma plateia a abarrotar.



Foi então a vez da actuação dos GANHÕES DE CASTRO VERDE, entoando "Que bonito que seria"


De novo JOSÉ FANHA:



Foi então que o Professor ANTÓNIO CESAR ao piano e ANDRÉ DOURADO , ao trompete, representaram a área instrumental da Conservatória Regional do Baixo Alenrtejo-Castro Verde, interpretando a obra "Vejam Bem" deo José Afonso, num arranjo próprio


arrancando generosos aplausos da sala rendida

Foi então a vez do jovem Côro da CRBA-CASTRO VERDE, também numa obra de José Afonso.


Também da CRBA , o pianista DIOGO RIBEIRO, interpretou com grande qualidade a peça METAMORFOSE


O espectáculo prosseguiu com o CÔRO POLIFÓNICO DE CASTRO VERDE, que cantou o "Côro dos Escravos Hebreus" da Ópera NABUCCO de Giuseppe Verdi.



ainda "Os homens que vão para a guerra", uma obra popular do Douro Litoral, arranjo de Fernando Lopes Graça.


Depois, o GRUPO DE INTERPRETAÇÃO MUSICAL HISTÓRICA DO CRBA, trouse-nos a obra de José Afonso "Era um Redondo Vocábulo"


As gentes de Castro Verde, que têm vindo a agitar a vida cultural da Vila, do Concelho e da região iluminaram esta noite de Abertura da Primavera no Campo Branco.

E foi a vez dos jovens Pedro Mestre, David Pereira e José Bento, que formam o CAMPANIÇA TRIO, empunharem as violas campaniças e cantarem "Quando rebentou a cena" com letra e música do Pedro Mestre:


O espectáculo aproximava-se do final, então com o palco de novo cheio, JOSÉ FANHA, declamou visivelmente emocionado, o "Eu sou português aqui" do grande poeta Ary dos Santos:


A sala veio abaixo de aplausos e foi de lágrimas nos olhos de muitos dos opresentes que todos cantaram a GRANDOLA VILA MORENA , acompanhando os GANHÕES DE CASTRO VERDE, em momentos de arrepiar.

Mas a noite não terminou, sem que fosse homenegeada a IDALINA, uma jovem de oito dezenas de anos, que não tendo frequentado a escola nos tempos da ditadura derrubada com o 25 de Abril,é agora aluna de canto na Universidade Senior Castrense, e elemento do Côro Polifóinico de Castro Verde,sendo um exemplo concreto do êxito na área da cultura do Movimento que agora completa 40 anos no dia 25.
A IDALINA, MUITO FELIZ, RECEBENDO UM BONITO RAMO DE FLORES, NUMA NOITE QUE JANAIS VAI ESQUECER.


Que belo espectáculo este, sem falhas, com muito ritmo e com a qualidade das gentes de Castro Verde.




PROGRAMA DE HOJE DIA 24 DA "PRIMAVERA NO CAMPO BRANCO" de CASTRO VERDE 

.
A "PRIMAVERA" NÃO PÁRA E PARA
HOJE,DIA 24, É ESTE O PROGRAMA


NO COMEÇO DA TARDE
Apresentação dos livros infantis de David Machado
24/4/2014

índice médio de felicidade

Sinopse

Daniel tinha um plano, uma espécie de diário do futuro, escrito num caderno. Às vezes voltava atrás para corrigir pequenas coisas, mas, ainda assim, a vida parecia fácil - e a felicidade também. De repente, porém, tudo se complicou: Portugal entrou em colapso e Daniel perdeu o emprego, deixando de poder pagar a prestação da casa; a mulher, também desempregada, foi-se embora com os filhos à procura de melhores oportunidades; os seus dois melhores amigos encontram-se ausentes: um, Xavier, está trancado em casa há doze anos, obcecado com as estatísticas e profundamente deprimido com o facto de o site que criaram para as pessoas se entreajudarem se ter revelado um completo fracasso; o outro, Almodôvar, foi preso numa tentativa desesperada de remendar a vida. Quando pensa nos seus filhos e no filho de Almodôvar, Daniel procura perceber que tipo de esperança resta às gerações que se lhe seguem. E não quer desistir. Apesar dos escombros em que se transformou a sua vida, a sua vontade de refazer tudo parece inabalável. Porque, sem futuro, o presente não faz sentido.
Índice Médio de Felicidade é um romance admirável e extremamente actual sobre um optimista que luta até ao fim pela sua vida e pela felicidade daqueles que ama. Dramático e realista, mas com momentos hilariantes, confirma o talento de David Machado como um dos melhores ficcionistas da sua geração.

Biblioteca Municipal | 10h00 e 11h00
Feira do Livro | 14h30
Público-alvo: Público escolar
Organização: Biblioteca Municipal Manuel da Fonseca

Mais à tarde, pelas 18 horas
Conversa com Marine Antunes
24/4/2014

Apresentação do livro "Cancro Com Humor"

Um livro de crónicas humorísticas, que falam do mundo do cancro sem tabus e com humor, com uma consciente fórmula arrojada, procurando divertir os doentes e provar que é possível ser feliz em qualquer contexto.
O projeto “Cancro com Humor” começou como uma iniciativa pessoal e atualmente é uma associação sem fins lucrativos, fundada e presidida pela autora do projeto e do livro, Marine Antunes.

Biblioteca Municipal | 18h00

Organização: Biblioteca Municipal Manuel da Fonseca



Noite Evocativa da Revolução
24/4/2014

Janita Salomé
Galadum Galundaina
"Os Ganhões" de Castro Verde

Na noite que antecede o 25 de Abril, Janita Salomé, Galandum Galundaina e os Ganhões de Castro Verde juntam-se para um espetáculo evocativo que celebra o 40º aniversário da Revolução dos Cravos.
Num repertório musical que perpassa toda a sua obra, Janita Salomé canta a palavra escrita dos poetas e temas de José Afonso, referência fundamental e incontornável da música portuguesa; os Ganhões subirão ao palco para, todos juntos, cantarmos a “Grândola, Vila Morena” e os Galandum Galundaina exploram um repertório que percorre os trilhos da música tradicional mirandesa.
Depois, rumaremos à manhã clara, distribuiremos o “Jornal de Abril” e desceremos a rua ao som da filarmónica até ao Largo da Feira para assistirmos a mais um momento de Fogo de Artifício.

Cineteatro Municipal | 21h30

Rumo à Manhã Clara
Arruada com a Banda da SRF 1º de Janeiro
Espetáculo Pirotécnico

Rua Fialho de Almeida – Largo da Feira | Após o concerto

Organização: Câmara Municipal de Castro Verde

Colaboração: ACA “Os Ganhões”. Sociedade Recreativa e Filarmónica 1º de Janeiro.

quarta-feira, Abril 23, 2014

PROGRAMA DE HOJE, QUARTA FEIRA, DIA 23 

.
E A PRIMAVERA CONTINUA..
..



ABERTURA DA PRIMAVERA NO CAMPO BRANCO 

,
TEVE LUGAR NO JARDIM DO PARQUE
INFANTIL DE CASTRO VERDE O
INICIO FORMAL DA "PRIMAVERA
NO CAMPO BRANCO"



Tal como acontecia no formato dos últimos anos, em que este evento se denominava QUINZENA CULTURAL, o arranque da PRIMAVERA NO CAMPO BRANCO aconteceu no Jardim do Parque Infantil.

Com os discursos de circunstância habituais, e depois da actuação da Orquesta Júnior de Sopros da Sociedade Recreativa 1ª.de Janeiro,e a actuação do grupo musical "Carretas de repercussão"




foi inaugurada a exposição de ilustrações de JOAQUIM ROSA, um pintor e ilustrador natural de Castro Verde, cujo traço se tornou o rosto de
iniciativas que integram o calendário cultural de Castro Verde como a Feira de Castro,

ou a Quinzena Cultural


Estas ilustrações, vão ocupar as paredes do Jardim Infantil durante todo o próximo ano


e são desenhos produzidos ao longo dos últimos 17 anos, e incluem referências que nos transportam às paisagens alentejanas

ao cante alentejano

e a personagens típicas da região.

Foi tambem inaugurada a Feira do livro, com a tenda montada igualmente no Jardim do Parque Infantil

e que permanecerá aberta até ao final da Primavera no Campo Branco




Presentes também, criações artísticas do colectivo TERRA MEXE, um projecto de Artistas, Artesãos e Afins de Castro Verde. Um movimento de criações e criadores que rompem com a pacatez desta Vila de casario branco, mexendo com as gentes, gerando interrogações, transformando-se em tema de conversas de esquina, a Terra Mexe.







terça-feira, Abril 22, 2014

HOJE, DIA 22, A BIBLIOTECA MANUEL DA FONSECA DE CASTRO VERDE, COMEMORA O 19º.ANIVERSÁRIO 

.
ENQUADRADO NO PROGRAMA DA PRIMAVERA NO
CAMPO BRANCO, EM CASTRO VERDE, COMEMORA-
SE HOJE O ANIVERSÁRIO DA BIBLIOTECA
MANUEL DA FONSECA, COM UM PROGRAMA RICO
E APELATIVO



Este é o Programa geral da "PRIMAVERA" de hoje ,22 de Abril, que como se vê tem a sua parte de leão a decorrer na Biblioteca logo À noite


O CANTO DOS POETAS

O LANÇAMENTO DO LIVRO DA JORNALISTA ANA SOFIA FONSECA, "CAPITÃES DE ABRIL"

Ana Sofia Fonseca nasceu em Lisboa, em 1978. Cedo descobriu o gosto pelas histórias e pela escrita. Em 1999, fez-se jornalista. Esteve na revista Grande Reportagem e no jornal Sol. Repórter freelancer, tem escrito para o Expresso, Sábado, Diário Económico e Pública. Na SIC, assina os programas Histórias Com Gente Dentro e O Meu Pequeno Mundo. Alguns dos seus trabalhos foram distinguidos com prémios de jornalismo em Portugal e no estrangeiro, incluindo o Prémio Gazeta de Televisão, o Grande Prémio José Hamilton Ribeiro (Brasil) e o Prémio Direitos Humanos e Integração da UNESCO e do GMCS. Publicou Barca Velha - Histórias de Um Vinho e Angola, Terra Prometida.


A noite da festa de anos, terminará com a tradicional AÇORDA DE LETRAS

como esta captada pela CASA DAS PRIMAS, numa edição anterior

segunda-feira, Abril 21, 2014

PALPITES, quem vai ganhar e por quantos, 3ª.jornada de ABRIL 

.
O JOÃO TIAGO JAMAIS ESQUECERÁ
ESTA SEMANA, GANHOU EM TRÊS
FRENTES: FOI PAI ,O SEU CLUBE
DO CORAÇÃO, O BENFICA ,SAGROU-
SE CAMPEÃO, VENCEU ESTA 3ª.
JORNADA, PULANDO PARA O 3º.
LUGAR DA CLASSIFICAÇÃO GERAL.
O CARLOS PEREIRA MANTEM A LI-
DERANÇA, COM 3 PONTOS DE VAN-
TAGEM SOBRE O CESARE CAROLI,
E 4 PONTOS SOBRE O JOÃO TIAGO,
O PEDRO FIGUEIRA E O JOSÉ
JÚLIO.

JOGOS QUE CONTARAM

.
BELENENSES-SPORTING..0-1 (João Tiago, Gastão Inácio)
BENFICA-OLHANENSE...2-0 (José Budha, Elisiário Candeias, Rui Pedro Sousa)
PORTO-RIO AVE...3-0 (Abilio Azevedo,Gastão Inácio)
FARENSE-ATLÉTICO..1-1 (João Tiago,António Fiúza,João Pinto,Cesare Caroli,Martim Ferreira,Farinho)
PORTO B-BENFICA B..4-1

MATRIZ DOS CALCULOS

Na jornada
.
1.João Tiago..3
2.António Fiúza..6
3.Cesare Caroli,Elisiário Candeias..7
4.Ana Lúcia..8
5.Pedro Figueira,Martim Ferreira..10
6.Abilio Azevedo,Gastão Inácio..11
7.Manuela Mascarenhas,Afonso Ferreira,Sergio Fernandes,João Pinto,José Budha,João Roque,Miguel,Vicente Guerreiro..12
8.Carlos Pereira,Herminia,Inácio Farinho..13
9.Urbano Peixoto,Pedro Jonnas..14
10Mário Oliveira,José Julio,António Mendonça..15
11Rui Pedro Sousa,Vitor Santos,Natercia..16
12Vitor Mestre..17

CLASSIFICAÇÃO GERAL
.
1.CARLOS PEREIRA..25..CASTRENSE
2.CESARE CAROLI...28..MILAN
3.JOÃO TIAGO...29..BENFICA
..PEDRO FIGUEIRA..29..PORTO
..JOSÉ JULIO...29..SPORTING
4.ANTÓNIO FIUZA..30..SPORTING
5.MIGUEL...33..SPORTING
6.JOSÉ BUDHA..37..SPORTING
7.GASTÃO INÁCIO..40..SPORTING
8.JOÃO PINTO...41..BENFICA
9.SERGIO FERNANDES..42..BENFICA
..ANA LUCIA...42..SPORTING
..NATERCIA...42..BENFICA
10VITOR SANTOS..43..ATLETICO
..URBANO PEIXOTO..43..BENFICA
..HERMINIA..43..BENFICA
..JOÃO ROQUE..43..SPORTING
11MARTIM FERREIRA..44..SPORTING
..ELISIÁRIO CANDEIAS..44..SPORTING
..ABILIO AZEVEDO..44..SPORTING
..PEDRO JONNAS..44..ALBERNOENSE
..INÁCIO FARINHO..44..BENFICA
12ANTÓNIO MENDONÇA..45..SPORTING
13VICENTE GUERREIRO..46,,BENFICA
..RUI PEDRO SOUSA..46..SPORTING
14VITOR MESTRE..47..CASTRENSE
..MÁRIO OLIVEIRA..47..BENFICA
15AFONSO FERREIRA..49..SPORTING
..MANUELA MASCARENHAS..49..BENFICA
4.


domingo, Abril 20, 2014

COMEMORAÇÕES DO TÍTULO DE CAMPEÕES DOS BENFIQUISTAS DE CASTRO VERDE 

,
TERMINADO O JOGO BENFICA-OLHANENSE
OS BENFIQUISTAS DE CASTRO VERDE
VIERAM PARA A RUA E FESTEJARAM O
TÍTULO DE CAMPEÕES NA ROTUNDA DAS
OVELHAS, QUE EQUIVALE AO MARQUEZ
POMBAL DE LISBOA, À DIMENSÃO DE
CASTRO VERDE.


Estive lá e captei para a CASA DAS PRIMAS imagens dos primeiros momentos dos festejos,



que à hora em que aqui as publico




ainda duram , e ouvem-se pela vila toda




A emoção estalou



os engarrafamentos do costume


até o cão vestiu a camisola




Para concluir, um desejo pessoal, gostava de ver estes adeptos benfiquistas e os do Sporting, de Castro Verde , juntos a apoiar o Castrense , o clube da Vila.

sábado, Abril 19, 2014

PROGAMA DE HOJE SÁBADO,19, DA "PRIMAVERA NO CAMPO BRANCO" 

.
NESTE 3º.DIA DQ "PRIMAVERA NO CAMPO BRANCO"
CASTRO VERDE ACORDA COM A PRAÇA DA REPUBLICA
EM FESTA



LOGO PELA MANHÃZINHA



EM CASTRO VERDE, a acontecer agora
Feira de Velharias & Produtos da Terra
19/4/2014


Há já vários anos que a Praça da República, em Castro Verde é, a cada primavera, um espaço privilegiado de encontro, troca de saberes e venda de produtos da terra, divulgando o que de melhor se produz no concelho. São produtos rurais de qualidade como hortaliças, flores, mel, licores ou mesmo pão caseiro que remetem para a importância do regresso à terra e de uma alimentação saudável.
Lado a lado, a Feira de Velharias expõe uma variedade de produtos que aqui recuperam parte do seu valor como livros antigos, faianças, medalhas e moedas antigas.


Animação Musical

11h00 Charanga do Rosário
15h00 Moço D’uma Cana - Projeto de Viola Campaniça da ESCV

Praça da República | 9h30
Organização: Câmara Municipal de Castro Verde.
Colaboração: Produtores e horticultores do concelho. Agrupamento de Escolas de Castro Verde.

De tarde
Apresentação do Livro "Ó Fala que Foste Fala" de Maria da Conceição Ruivo
19/4/2014 - 19/4/2014


Nascida numa família de camponeses e pastores de Alfundão, Maria da Conceição Ruivo cresceu à sombra das histórias que se contavam à lareira nas noites de inverno, ou na soleira das portas, nas noites de verão, das décimas de um avô poeta e da magia do cante alentejano. Depois de “A Aventura Maravilhosa do Ursinho Chico e de sua Prima Mariana”, o seu primeiro livro, publica agora “Ó Fala que Foste Fala”, uma obra sobre Joaquim Espadinha, seareiro natural de Alfundão, poeta popular muito estimado no seu tempo.

Feira do Livro (Parque Infantil) | 17h30

Organização: Livraria Contracapa.
Colaboração: Biblioteca Municipal Manuel da Fonseca

à noite vamos ter...

STAND UP COMEDY EM CASTRO VERDE


O público já comprovou que Aldo Lima e Francisco Menezes são dois dos melhores comediantes do universo para se ver em palco. Por isso, nesta fase de crise anunciada, juntámo-los para que os seus talentos, combinados com grandes doses de irreverência, nos transportem à parte divertida da vida. Se os tempos não estão para brincadeiras, felizmente estes dois estão!
Dois dos mais consagrados artistas de stand up comedy, para ver, ao vivo, no Cineteatro Municipal de Castro Verde!

Cineteatro Municipal | 21h30

Público-alvo: M/16
3 €. Bilhetes à venda no Posto de Turismo de Castro Verde a partir de 12 de abril.
Org.: CMCV.

sexta-feira, Abril 18, 2014

PALPITES, quem vai ganhar e por quantos, 3ª.jornada de ABRIL 

.
PARA ESTA 3ª.JORNADA DE ABRIL , O
CARLOS PEREIRA PARTE NA FRENTE DA
CLASSIFICÇÃO GERAL COM 2 PONTOS
DE VANTAGEM SOBRE O JOSÉ JULIO
E 7 PONTOS SOBRE O PORTISTA
PEDRO FIGUEIRA.

JOGOS QUE CONTAM:


1 - BELENENSES-SPORTING
2 - BENFICA-OLHANENSE
3 - PORTO-RIO AVE
4 - FARENSE-ATLETICO
5 - PORTO B-BENFICA B



MATRIZ DOS PALPITES


CLASSIFICAÇÃO GERAL
.
1.CARLOS PEREIRA..12..CASTRENSE
2.JOSÉ JULIO...14..SPORTING
3.PEDRO FIGUEIRA..19..PORTO
4.CESARE CAROLI..21..MILAN
..MIGUEL....21..SPORTING
5.ANTÓNIO FIUZA..24..SPORTING
6.JOSÉ BUDHA..25..SPORTING
7.JOÃO TIAGO..26..BENFICA
..NATERCIA...26..BENFICA
8.VITOR SANTOS..27..ATLETICO
9.GASTÃO INÁCIO..29..SPORTING
..JOÃO PINTO...29..BENFICA
..URBANO PEIXOTO..29..BENFICA
10SERGIO FERNANDES..30..BENFICA
..VITOR MESTRE..30..CASTRENSE
..ANTÓNIO MENDONÇA..30..SPORTING
..HERMINIA...30..BENFICA
..PEDRO JONNAS..30..ALBERNOENSE
..RUI PEDRO SOUSA..30..SPORTING
11ANTÓNIO FARINHO..31..BENFICA
..JOÃO ROQUE...31..SPORTING
12MARIO OLIVEIRA..32..BENFICA
13ABILIO AZEVEDO...33..SPORTING
14MARTIM FERREIRA..34..SPORTING
..ANA LUCIA...34..SPORTING
,,VICENTE GUERREIRO..34..BENFICA
15MANUELA MASCARENHAS..37..BENFICA
..AFONSO FERREIRA..37..SPORTING
..ELISIÁRIO CANDEIAS..37..SPORTING


quarta-feira, Abril 16, 2014

COMEÇA AMANHÃ A "PRIMAVERA NO CAMPO BRANCO" em CASTRO VERDE 

.
O PROGRAMA DO 1º.DIA É
O QUE AQUI MOSTRO


e no local onde vai decorrer o acto de inauguração, o Jardim do Parque Infantil


já se surpreendia grande azáfama, com a instalação da tenda onde vai estar montada a Feira do Livro


e a instalação das obras de Joaquim Rosa



terça-feira, Abril 15, 2014

JIU JITSU EM CASTRO VERDE 

.
JÁ AQUI HAVIA DADO CONTA DO TORNEIO
DE JIU JITSU QUE TEVE LUGAR DIA 13,
DOMINGO PASSADO, EM CASTRO VERDE, E
QUE SE INSERIU NAS COMEMORAÇÕES
DOS 40 ANOS DO 25 DE ABRIL.




Esta modalidade é a ultima conquista dos jovens amantes do desporto da Vila.
No clube da terra, o CASTRENSE, já podiam praticar, além de futebol,masculino e feminino. o hockey patins, a patinagem artística e o atletismo, a partir de agora, com a criação de uma secção JIU JITSU no clube, abriu-se-lhes mais uma oportunidade de prática desportiva.

O clube tem já 325 atletas federados nas modalidades que atrás nomeei, 80% dos quais com idade inferior a 18 anos, e maioritariamente residentes no Concelho,


Neste domingo, 13 de abril, Castro Verde recebeu, a partir das 10h00, no Pavilhão Desportivo Municipal, a primeira competição de Jiu-Jitsu, integrada nas Comemorações dos 40 anos do 25 de Abril, e a CASA DAS PRIMAS esteve lá, e deixa aqui no teu blogue algumas imagens do que viu e ouviu.

Cerca de 15 atletas, no escalão sénior, constituem atualmente a equipa de Jiu Jitsu do Futebol Clube Castrense, treinada por Mauro Lago, campeão mundial, sul-americano e pan-americano de Jiu-Jitsu Brasileiro.


Mauro Lago,de 35 anos de idade,de Belo Horizonte, capital do Estado brasileiro de Minas Gerais, já foi campeão sul-americano, pan-americano e mundial e agora aspira a ser campeão da Europa. Praticante de Jiujitsu brasileiro [uma vertente da modalidade original] há duas décadas, Mauro Lago é uma das grandes figuras mundiais da arte marcial a que os especialistas chamam de “arte suave”.
Depois de uma experiência de oito meses na cidade norte-americana de Hartford, o atleta brasileiro tem em Portugal a sua segunda “aventura” no estrangeiro.

Chegou em Abril do ano passado, para dar aulas no Porto, mas o Verão levou-o para o Algarve. Foi aí que teve a oportunidade de conhecer, por intermédio de um amigo comum, o presidente do FC Castrense e mudar-se para Castro Verde.

A equipa iniciou os treinos há 6 meses e depois da sua passagem pelo Open de Lisboa, marca agora presença na primeira competição da modalidade em Castro Verde. Para além da participação em competições oficiais, esta época desportiva tem servido para cativar novos praticantes e adeptos e divulgar a modalidade do Jiu-jitsu, uma arte marcial japonesa muito semelhante ao judo, mas que tem como objetivo a imobilização.

o Torneio teve lugar no Pavilhão Desportivo Municipal

onde tiveram lugar combates

Era evidente a curiosidade de muitos dos castrenses que apareceram no Pavilhão e que atentamente assistiram pela primeira vez a lutas de Jiu Jitsu















Encerro esta pequena crónica com uma informação mínima sobre este desporto, o JIU JITSU:

Jiu-jitsu

Local de origem Japão
Técnica(s) principal(is) Katame waza
Nage waza
Ne waza
Torite waza
Técnica(s) secundária(s) Atemi waza

Grafia

Nome nativo Jujutsu (柔術, Jūjutsu?)
Tradução literal arte suave

Relação com outras modalidades

Descendente(s) Do-jutsu
Judô


Jiu-jítsu, jujitsu ou jujutsu (em japonês: 柔術, transl. jū, "suavidade", "brandura", e jutsu, "arte", "técnica"),[a] é uma arte marcial japonesa (Budô) que utiliza como principais técnicas golpes de alavancas, torções e pressões para derrubar e dominar um oponente. Sua origem, como sucede com quase todas as artes marciais vetustas, não pode ser apontada com total certeza, o que se sabe por certo é que seu principal ambiente de desenvolvimento e refino foi nas escolas de samurais, a casta guerreira do Japão.Contudo, outros levantam a hipótese de ter proveniência CHINESA, posto que sejam também notadas influências indianas.

A finalidade e o corolário de sua criação residem na constatação de que, no campo de batalha ou durante qualquer enfrentamento, um samurai poderia acabar sem suas espadas ou lanças, daí que ele precisava de um método de defesa desarmada. Nesta cércea, os golpes paulatinamente tenderam para projeções (nage waza) e luxações e torções (kansetsu waza), haja vista que os golpes traumáticos não se mostravam eficazes, pois, no ambiente de luta, os samurais encaminhavam-se às batalhas usando de armaduras. O guerreiro feudal japonês deveria estudar inúmeras modalidades de combate, porquanto deveria estar preparado para quaisquer circunstâncias, sendo obrigado a defender não somente sua vida mas a de seu líder, um daimiô.

O romaji jūjutsu advém dos kanji jū (柔?), que quer dizer suave ou macio, e jutsu (術?), arte ou ofício. Isso implica dizer que a tal «arte suave» nasceu como contraponto às artes rígidas, que eram executadas com a espada, como naginatajutsu e kenjutsu, por exemplo. E, a despeito de ser reconhecida como utilizadora de técnicas de agarramento, o seu repertório de golpes de controle (gyaku waza) e submissão (katame waza) incluem também golpes traumáticos (ate waza). O que vai dizer quais golpes serão estudados será a escola, ou linhagem, que se aprende.

É um postulado basilar desta arte marcial o emprego da própria força e, quando possível, da força do adversário, em alavancas, que possibilita a um lutador, mesmo com compleição física inferior à do oponente, conseguir vencer. No chão, com as técnicas de estrangulamento e pressão sobre articulações, é possível submeter o adversário fazendo-o desistir da luta (competitivamente), ou (em luta real) .

This page is powered by Blogger. Isn't yours?


View My Stats